Criada por Decreto do Governador Euclides Vieira Malta, em 15/01/1912, com o nome de Diário Oficial. Em 19/03/1973, a Sociedade de Economia Mista (Lei 3.198), quando passou a ser denominada Serviços Gráficos de Alagoas S.A. A partir de 2007 passou a chamar-se Imprensa Oficial Graciliano Ramos, Sociedade de Economia Mista, onde o Governo é acionista majoritário.

Resultado de imagem para imprensa oficial alagoas

A Imprensa Oficial Graciliano Ramos responde juridicamente como CEOAL (Companhia de Edição, Impressão e Publicação de Alagoas) vinculada à Secretaria de Estado de Planejamento e do Desenvolvimento Econômico (SEPALNADE), com moderno parque Gráfico.

A Imprensa Oficial imprime, além dos Atos oriundos do serviço Público e Privado, e várias publicações, com uma tiragem diária de 1.100 exemplares do D.O. Ele é composto por cadernos e suplemento diário dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, do Ministério Público Estadual, Tribunal de Justiça e dos municípios alagoanos.

Em 2011, foi empossado o Conselho Editorial composto pelos membros: Jornalista Ênio Lins, Museóloga e Escritora Carmem Lúcia Dantas, Escritora Solange Lages Chalita, Professores Universitários: Eliana Sá, Sheila Maluf e Rachel Rocha, advogado Adriano Soares, Escritor Álvaro Machado e o Prof. Osvaldo Viegas.

A Imprensa Oficial em Alagoas, in Publicação do Arquivo Público de Alagoas, Maceió: Imprensa Oficial, 1962.

Fonte: ABC das Alagoas, Francisco Reynaldo Amorim de Barros – http://www.abcdasalagoas.com.br/

Você pode ajudar a Enciclopédia Nordeste a expandir este texto nos enviando fotos, ilustrações e informações para contato@onordeste.com

Deixe seu comentário!